Star Trek

Título Original- Star Trek
Título Nacional- Star Trek
Diretor- J.J Abrams
Roteiro- Roberto Oci/Alex Kurtzman
Gênero- Ficção/Ação
Ano- 2009

-É assim que deve ser uma origem…

Que os responsáveis por Wolverine aprendam com o time que fez Star Trek como se faz um filme de origem bem feito. Tudo em Star Trek ficou ótimo, a produção, o elenco bem escolhido, a direção, edição, música, clima do filme, tudo ficou muito afinado e bem organizado para conceber o melhor filme de 2009 até agora, superando o excelente Watchmen, inclusive. Por quê? Vocês terão a resposta na seqüência.

Neste Star Trek temos a história do Capitão Kirk (Chris Pine) ainda jovem, antes mesmo de ingressar para a Federação e ter ficado famoso na série original no comando da ainda mais famosa Enterprise. Aqui é dada a oportunidade de se ver o pai de Kirk, que apesar de ter morrido cedo no filme, participa de uma cena excelente logo no começo. Aliás, Star Trek consegue já começar a mil e continua nesse ritmo até o fim. Impressionante como conseguiram manter o nível do filme sempre muito alto.

Na adolescência James T. Kirk é um jovem problemático e pouco interessado pelas coisas, mas certa feita, num barzinho de beira de estrada, ele se encontra com o Capitão Pike (Bruce Greenwood) que lhe diz as palavras certas para despertarem nele o desejo de fazer algo mais em sua vida. Parte então Kirk, que nesse momento encontra o perturbado, mas que será seu grande amigo, o médico McCoy (Karl Urban).

Noutra ponta dessa história está Spock (Zachary Quinto), também jovem, obviamente. Inclusive mostram Spock criança e alguns motivos que o levam a ter o comportamento tão frio e às vezes um pouco cruel durante sua vida. Spock era filho de uma humana e um vulcan, motivo de críticas pelo resto do seu povo, ainda mais seu pai sendo pertencente do alto escalão da sociedade vulcaniana. Cercado de muita perseguição, por conta disso, Spock cresce vivendo na dúvida se suprimiria suas emoções humanas e abraçaria a frieza vulcaniana. Até o fim do filme isso não fica muito definido. Quem sabe no 2º?

No lado dos vilões temos o romuliano Nero (Eric Bana) que vem do futuro querendo vingança contra Spock por, supostamente, ter abandonado seu planeta determinando a morte do mesmo e toda a espécie romuliana. Nero é quem destrói a Kelvin no início do filme, matando o pai de Kirk. Nesse meio tempo Kirk termina seu treinamento e está apto a embarcar numa das naves, mas devido a uma trapalhada é impedido pelos comandantes, McCoy o ajuda a embarcar na Enterprise usando suas habilidades médicas e daí começa a saga da tripulação no filme.

Cenas de ação fantásticas, um elenco afiado, interpretando personagens altamente carismáticos fazem de Star Trek um filmaço que não pode ser perdido, não somente por fãs de ficção como de bons filmes. Há de tudo em Star Trek, ação na medida certa e de alto nível, uma trama curiosa e muito interessante, alguns toques de diálogos mais bem produzidos aqui e acolá, não tornando o filme um mero exercício de explosões e belos efeitos especiais. Imperdível é a palavra desse filme e que pode ser visto por todos. O que vocês estão esperando, então? Corram o quanto antes para assistir essa excelente obra! J.J Abrams conseguiu se firmar de vez como diretor em Hollywood com esse filme. Parabéns!

Intensidade da força: 10

4 opiniões sobre “Star Trek”

  1. Já estava animado de ver, agora então… ótimos comentarios!

    Vou acabar baixando a serie para ver novamente hehehe

    []’s

    Vul

Deixe seu comentário