Procurado

Título Original– Wanted
Título Nacional– Procurado
Diretor– Timur Bekmambetov
Roteiro– Michael Brandt/Derek Haas
Gênero- Ação
Ano- 2008

-Quebrando as leis da física:

Desconsidere tudo que você já aprendeu na escola sobre física antes de ir assistir Procurado. Vá ao cinema com sua mente limpa, despida de preconceitos e regras, pois o que você verá será um festival de loucuras poucas vezes vista, da forma apresentada, num filme. Nem mesmo Matrix conseguiu ir tão longe! Procurado consegue colocar até Matrix no chinelo em se tratando de loucuras num filme de ação.

Começa pela primeira cena em que se pode ter um aperitivo do que nos aguardaria pelo resto do filme, um agente muito bem vestido é emboscado e já apresenta seu arsenal de golpes e movimentos loucos de forma bem criativa e explosiva. A partir daí a trama volta a centrar no personagem principal Wesley Gibson (James Mcavoy) que consegue passar de forma convincente toda sua vida de perfeito fracassado. Bons momentos de humor são apresentados nesse começo e, apesar de ter seu ritmo atenuado à medida que o filme se desenrola, nunca o humor (irônico, ácido, negro ou tradicional) abandona o filme por completo.

Wesley não consegue entender seu lugar no mundo, não acha motivação para nada e , coincidentemente, nem no Google há referências à sua pessoas. Nesse marasmo de vida, de repente aparece Fox (Angelina Jolie) que mexe totalmente com a vida de Wesley apresentando-o à Fraternidade (uma sociedade secreta de assassinos que existe há mais de 1000 anos! Liderada por Sloan – Morgan Freeman -). Para quem ainda não sabe, Procurado é um filme “inspirado” nos quadrinhos que tratam dessa sociedade, porém o filme foi muitíssimo alterado em relação ao original em quadrinhos, o que provocou a ira de fãs em todo mundo fazendo com que os produtores do longa até mudassem o discurso afirmando que eles apenas fizeram algo como uma “livre adaptação” do original. Como não conheço os quadrinhos referidos (confesso que fiquei curioso) esta análise tratará do filme no que ele é, um filme de ação.

Introduzido à Fraternidade, Wesley aprende que seu pai fora um membro daquele grupo e que teria sido assassinado por outro membro que teria se separado da sociedade. Ao descobrir que ele faz parte de um grupo de poucas pessoas que tem uma espécie de “alteração” orgânica que os permite fazerem coisas sobre-humanas (inclusive fazer balas seguir em curva) Wesley começa um treinamento para dominar suas capacidades superiores. Durante esse treinamento mais espaço para momentos engraçados devido ao sofrimento imposto ao personagem.

Após ter seu treinamento concluso, Wesley parte à caçada do assassino de seu pai e a partir daí começa a seqüência de cenas realmente mirabolantes no longa. Com direito a balas se chocando umas contra as outras e carros fazendo manobras altamente insanas. De fato, tem que ser dado crédito aos roteiristas, editores, diretor, supervisores e todos os envolvidos na consecução das cenas de ação de Procurado. Sem dúvidas estão bem acima da média dos filmes tradicionais de ação. Apesar de terem alterado a história do original em quadrinhos, o filme conseguiu manter uma consistência na história contada, o que ainda contribuiu para dar ainda mais corpo e não deixar que o filme caísse na mesmice de ser apenas um “genericão” de ação de qualidade ruim. É visível que se tentou fazer um filme bom de ação desenfreada e seria injusto afirmar que Procurado não cumpre com seu papel. Uma grata surpresa, sem dúvidas.

Dito isso, antes de assistir ao filme se prepare psicologicamente para ter doses cavalares de exageros nas cenas de ação, mas com um bom toque de criatividade e que na verdade o filme não se passa na nossa realidade perfeitamente, é uma adaptação. As pessoas envolvidas não são normais, então há alguma justificativa para aquilo tudo. Feito isso, é possível encontrar muita diversão em Procurado e ter uma sessão bem agradável para descontrair sem ter que se preocupar com maiores elucubrações filosóficas e coisas do tipo. Um filme puramente divertido se for visto dessa maneira.

Intensidade da força: 7,5

Deixe seu comentário